Em Casa A Gente Conversa #54 – Como é viver no país que mais mata LGBTQIA+

Quarta Parede #121 – Conectadas || #AlémDoArcoÍris
25 de junho de 2020
Segura Essa Barra #04 – Segura Essa Entrevista com Darkcinammon
30 de junho de 2020

Em Casa A Gente Conversa #54 – Como é viver no país que mais mata LGBTQIA+

Em Casa A Gente Conversa #54 – Como é viver no país que mais mata LGBTQIA+

Um fundo colorido em degradê semelhante a bandeira LGBTQIA+, no centro um circulo com imagem de duas mulheres juntas, com roupas de praia, e um mar ao fundo. No canto superior esquerdo um quadrado roxo com "54". No canto superior direito o logo do podcast e abaixo o logo do #OPodcastÉDelas. No centro, o título "Como é viver no páis que mais mata LGBTQIA+", e o texto: "Convidados: Maíra Donnici, Leila Dumaresq e Paulo Mariante".

O silêncio é ensurdecedor. A solidão chega a apertar. O preconceito escancarado contra a comunidade LGBTQIA+ traz muitas mortes e sofrimentos.

Eu digo isso afirmando: o Brasil é o país que mais mata gays, lésbicas, travestis, transexuais, bissexuais e transgêneros.
Trago aqui neste episódio números. Muitos números, que não são apenas números. São pessoas que morreram vítimas de lgbtfobia.
Mas também falamos aqui sobre orgulho! O orgulho de querer ser quem é. O orgulho de olhar para todo o cenário triste que vivemos e querer continuar lutando.

É ir com determinação para as ruas e defender os direitos de quem luta para sobreviver.

A democracia nada é se as diferenças não forem respeitadas. E não tem como nós ficarmos calados vendo pessoas morrendo simplesmente por existirem em nosso país.

Então venha ouvir este episódio que está cheio de informações e histórias de pessoas LGBTQIA+. Só vem!